Algumas variáveis podem influenciar e até mesmo ser prejudiciais no quesito produtividade no campo..

Granjas e lavouras geram dados em tempo real com sensores inteligentes e estações meteorológicas

A utilização de sensores inteligentes em granjas e de estações meteorológicas em lavouras já representa um grande ganho de produtividade para o campo. Ambas soluções possibilitam tanto para os produtores rurais como para agroindústrias o monitoramento de processos produtivos e geram dados em tempo real. Em granjas, as aplicações embarcadas em Internet das Coisas (IoT) permitem a realização de diagnósticos de possíveis problemas, desvios ou desperdícios em curso na produção. Dessa forma, podem ser executadas correções em tempo real, assim como é possível prevenir algumas situações de acordo com o histórico de dados coletados.

 

Dados em tempo real

 

Esse acompanhamento pode ser feito a partir de qualquer dispositivo móvel, que recebe informações a partir do sensor ou da estação, facilitando a experiência dos gestores desses processos. Entre os exemplos de tecnologias que podem levar maior produtividade para o agronegócio, estão as soluções “Gestão Avícola” e “Dados Climáticos”, desenvolvidas, respectivamente, pela E-Aware e b2k, empresas do SPRO Group. Ambas, embarcadas em plataformas em nuvem, transformam dados em informações relevantes, que ajudam a melhorar ou mesmo alterar diversos processos de manejo ou de plantio.

 

Gestão Avícola

 

A solução funciona a partir de sensores que permitem o controle, em tempo real, de produções agropecuárias de aves, suínos, bovinos e também de peixes, de forma centralizada, com indicadores personalizados. Com isso, o produtor tem em mãos informações mais precisas, podendo aplicar diferentes formas de manejo, aumentando a eficiência do lote. Assim, o ecossistema gera ganhos de rentabilidade para todas as pontas: o produtor, o integrador e o consumidor final, com rastreabilidade de todo o processo produtivo e garantia do bem-estar animal.

 

Dados Climáticos

 

A solução de Dados Climáticos, da b2k, é composta por uma estação meteorológica projetada e desenvolvida para auxiliar produtores rurais a tomarem ações preventivas em vez de corretivas. Por meio deste monitoramento, é possível preparar o plantio, cuidar do processo de crescimento da planta e avaliar e estimar produções agrícolas.

 

Tudo isso é feito a partir de nove parâmetros atmosféricos: temperatura, pressão atmosférica, umidade relativa do ar, quantidade chuva, direção do vento, intensidade do vento, rajada de vento, intensidade luminosa e intensidade ultravioleta. A partir dessas análises, o produtor consegue antecipar e prever pragas e também aplicar defensivos de forma mais assertiva, por exemplo, já que tem em mãos informações sobre o clima que influenciam nesses processos.
 
SAP Now

Estas soluções em nuvem que melhoram a eficiência operacional no campo serão o destaque do estande do SPRO Group no SAP NOW. O evento acontece nos dias 11 e 12 de setembro, no Transamérica Expo Center, em São Paulo. Dessa forma, quem visitar o estande da empresa terá sua experiência com sensores inteligentes em SAP Cloud Platform (SCP).

 

Cases SAP S/4HANA no segmento logístico

 

Além do estande, a SPRO terá abordará o tema Como o SAP S/4HANA está revolucionando o segmento logístico brasileiro”, a partir da apresentação de dois cases. Um deles, o Porto Itapoá, foi pioneiro em SAP S/4HANA no segmento em 2019. Quem assistir à palestra poderá saber como a integração de sistemas garante eficiência à movimentação de 2 milhões de contêineres ao ano e como a inteligência em processos otimizou a gestão de um dos maiores terminais portuários do Brasil. Além disso, outro case apresentado será o da Multilog, empresa referência em infraestrutura e serviços logísticos. A companhia visa dobrar sua receita em cinco anos com a plataforma SAP S/4HANA, com a geração de informações analíticas em tempo real. A apresentação dos cases será conduzida pelo gerente de Relacionamento & Negócios da filial São Paulo da SPRO, Gustavo Colla.

SPRO
No Comments

Post a Comment

Comment
Name
Email
Website